Dia de Hoje na História
A Real Universidade da Cidade dos Reis existe até os dias de hoje e continua sendo a mais importante universidade do Peru
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
chapel
"Casona" da UMNSM. Foto: Wikimedia Commons |

No dia 12 de maio de 1551, foi fundada a mais antiga universidade da América, a Real Universidade da Cidade dos Reis, em Lima no Peru, a mando do Rei Carlos I da Espanha. Atualmente ela se chama Universidade Nacional Maior de São Marcos, UMNSM, é pública e é a mais renomada e importante instituição de ensino do país. à medida de comparação, as primeiras universidades do Brasil foram fundadas no século XX.

O Peru é um dos maiores e mais importantes países da América do Sul, apesar de raramente aparecer no centro da discussão política regional. No período colonial, o Vice-Reino do Peru era o território mais importante do continente, possuía a maior jazida de prata, a maior população indígena concentrada e a mais complexa civilização, o império Inca, que foi dominado pelos espanhóis em 1533. Devido à existência da sociedade de classes e do Estado no Peru, ao contrário do Brasil, os colonizadores conseguiram rapidamente adaptar o sistema preexistente de agricultura e mineração, já organizado pelos nativos, para se enriquecerem e ao mesmo tempo enriquecer a metrópole espanhola.

A Espanha no século XVI era o mais próspero reino de toda a Europa, e o Peru foi sua principal colônia. A capital inca, que era Cuzco, nos Andes, foi substituída por Lima, no litoral, acompanhando a mudança no modelo econômico da agricultura para a exportação marítima. Nessa cidade, se formou uma nova classe social muito rica de espanhóis que viviam na colônia: são esses fatores que explicam o rápido surgimento de uma universidade nesse território. Um processo semelhante se deu no México, que estava numa situação análoga à do Peru, que teve sua primeira universidade fundada também no ano de 1551.

A UNMSM teve uma grande importância na história do Peru. No processo de independência em 1822, o primeiro Congresso Constituinte foi realizado dentro da capela da universidade e a maior parte dos deputados constituintes haviam estudado em suas salas. Já no início do século XX o movimento estudantil se tornou cada vez mais forte e conseguiu conquistar algumas reformas para democratizar a universidades. Os estudantes se mobilizam até os dias de hoje, mas um dos eventos de destaque foi a tentativa de visita em 1958 de Richard Nixon, futuro presidente dos EUA, que foi impedido de entrar por um piquete ao som dos gritos “Nixon go home!”

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas