11,5 milhões de pessoas não sabem ler e escrever

t

A taxa de analfabetismo da população com 15 anos ou mais de idade no Brasil foi de 7,0% em 2017. As informações estão no módulo Educação da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, divulgado hoje pelo IBGE.

Em números absolutos, a taxa representa 11,5 milhões de pessoas que ainda não sabem ler e escrever. A incidência chega a ser quase três vezes maior na faixa da população de 60 anos ou mais de idade, 19,3%, e mais que o dobro entre pretos e pardos (9,3%) em relação aos brancos (4,0%).

As menores foram no Sul e Sudeste, que registraram 3,5% cada. No Centro-Oeste e Norte, os índices ficaram em 5,2% e 8,0%, respectivamente. Em 2017, apenas 68,4% dos estudantes do ensino médio estavam na etapa esperada para a idade.
Com todos os programas dos oitos anos do Partido dos trabalhadores não foi possível erradicar o analfabetismo no Brasil, com o golpe de estado de 2016, esse números aumentará substancialmente, pois querem acaber com o ensino médio no próximo ano 2019, com a “reforma do ensino médio” e depois com todo ensino gratuito.
Precisamos derrotar o golpe e todos seus planos de rapina com o ensino público , saúde pública, transporte público, tudo que serve a população pobre do país.