Siga o DCO nas redes sociais

1/3 dos incêndios ocorre em terras indígenas e unidades de conservação
1/3 dos incêndios ocorre em terras indígenas e unidades de conservação

Um levantamento do Instituto Sociambiental (ISA) demonstrou que os incêndios na Amazônia atingem um terço das terras indígenas e as Unidades de Conservação. Entre 20 de julho e 20 de agosto, foram 33.060 focos de calor na Amazônia Legal no Brasil

Deste total foram 3.553 focos de calor em 148 Terras Indígenas da Amazônia brasileira. Nas chamadas Unidades de Conservação, os incêndios atingiram a casa de 7.368 focos.

Somados os números das Terras Indígenas e das Unidades de Conservação, eles correspondem à 33% total.

Não é por acaso número elevado de focos de incêndios nestas áreas, trata–se da utilização das queimadas por parte dos latifundiários e fazendeiros como forma de abrir caminho para exploração destas terras até então preservadas.

Ou seja, uma política de tomada das terras dos povos indígenas para as mãos da classe ruralista.

A única forma de derrotar esta ofensiva é por meio da mobilização do povo contra o governo golpista de Jair Bolsonaro. Fora Bolsonaro e todos os golpistas.