Dia de hoje na história
O revolucionário argentino que liderava a guerrilha na Bolívia foi capturado pelas forças armadas da ditadura militar auxiliadas pela CIA, no dia seguinte ele seria assassinado
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
che
Che Guevara capturado pela ditadura boliviana | Foto: Reprodução

No dia 08 de outubro de 1967 Che Guevara foi capturado pelas forças armadas da ditadura boliviana que trabalhavam em conjunto com a CIA. O revolucionário havia se lançado nessa luta, que seria sua ultima, no ano anterior, organizou o Exército de Libertação Nacional da Bolivia e iniciou uma guerrilha rural para tentar realizar uma revolução como havia feito em Cuba. Contudo operação foi esmagada pela repressão e no dia seguinte ele seria assassinado a mando do presidente militar fascista Ortuño.

Ernesto “Che” Guevara nasceu em 14 de junho de 1928 em Rosário na Argentina, foi na década de 1950, ainda em sua juventude, que ele se tornou um dos maiores revolucionários do século XX que inspira estudantes e trabalhadores do mundo inteiro até os dias de hoje. Che participou do processo da revolução nacionalista na Guatemala de 1953 até este ser esmagado pelo golpe imperialista de 1954, de lá fugiu para a cidade do México onde conheceu os irmãos Fidel e Raul Castro e aderiu a sua luta contra a ditadura do lacaio dos EUA Fulgêncio Batista.

Os três e mais um pequeno grupo de jovens revolucionários se deslocaram para Cuba em 1956 onde iriam começara a guerrilha na Serra Maestra. Enquanto isso outros jovens como Frank Paiz organizavam a revolução nas principais cidades que garantiam um apoio essencial aos guerrilheiros. Após três anos de luta a revolução foi vitoriosa, o Movimento 26 de Julho liderado por Fidel Castro tomou o poder em 1 de janeiro, Che Guevara se tornou um dos homens mais importantes do governo liderando o processo de reforma agrária.

Ele participou de todo o processo revolucionário Cubano que levou a revolução de um caráter inicialmente nacionalista à uma revolução socialista em 1961 que, pela primeira e única vez na história da América Latina, expropriou a burguesia e instaurou a ditadura do proletariado derrotando a invasão dos EUA, o colosso imperialista. Assim Fidel Castro e Che Guevara se tornaram grandes heróis da classe operária internacional, realizaram a mais importante revolução da segunda metade do século XX.

Mas Che Guevara não parou por ai, Cuba se tornou um real exemplo do internacionalismo proletário impulsionando as revoluções na Africa e Che em 1965 foi pessoalmente ao Congo auxiliar na organização da guerrilha que visava derrubar o regime golpista instaurado pelo imperialismo em 1961. Contudo, ao contrario do que aconteceu em Angola, a operação Cubana no Congo não teve êxito. Deste modo Che viajou para a Bolívia para tentar iniciar mais uma revolução.

Neste momento ele já era uma das figuras mais perseguidas pelo imperialismo assim como Fidel Castro que sofreu mais de 600 tentativas de assassinato. Uma enorme operação organizada pela CIA em conjunto com a ditadura boliviana conseguiu descobrir o paradeiro de Che e assim lançou uma tropa de 1800 soldados contra os 50 guerrilheiros que estava agrupados. A ditadura militar sanguinária ao estilo daquela instaurada no Brasil não esperou nem 24h assassinou Che enquanto ele já era prisioneiro e no dia seguinte expôs fotos de seu corpo ao mundo.

Apesar de sua linha política não ser aquela defendida por nosso partido não é possível diminuir a figura que foi Che Guevara, ao lado de Fidel Castro é o maior revolucionário da América Latina e da segunda metade do século XX e uma inspiração para os estudantes e os trabalhadores de todos os países atrasados do mundo. Che foi o exemplo personificado de que é possível lutar contra a brutal opressão das ditaduras financiadas pelo imperialismo porque ele de fato lutou contra elas e, pelo menos uma vez, mostrou que a vitória é possível.

Compartilhar no facebook
Compartilhe no seu Facebook!
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no reddit
Reddit
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no twitter
Tuite este artigo!
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no reddit
Relacionadas