Fascistas invadem Centro LGBT em São Paulo

Compartilhar:

Um grupo fascista atacou no último fim de semana o centro de cidadania LBT Luiz Carlos Ruas, no centro de São Paulo, criado no governo do ex-prefeito Fernando Haddad (PT).

Rascunho automático 67

Na manhã de segunda feira (4), funcionário encontraram o lugar completamente destruído, com urina no chão por toda parte, fezes humanas nos corredores, e cadeiras computadores mesas, impressoras, estantes, tudo destruído.

“Quando os responsáveis pela invasão defecam em nosso espaço de trabalho e colocam as fezes no corredor, quando esses mesmos agressores – de posse dos prontuários de pessoas por nós atendidas – rasgam documentos e os utilizam para limpeza, demonstram o desprezo por tudo que esses papéis representam e atestam na defesa dos direitos humanos e na promoção da cidadania. Urinaram em vasos de flores e os deixaram na recepção. Destruíram e sujaram itens pelos quais não tinham interesse, apenas para destruir – cadeiras, gaveteiros, computadores, projetor. Todas as torneiras foram abertas, com o claro objetivo de alagarem a casa. Além disso, todos os cabos dos computadores e da rede de telefonia foram cortados, com a intenção de calar a voz e o trabalho em prol da comunidade LGBT”, diz nota divulgada pelo centro, nas redes sociais.

Este acontecimento só demonstra, o avanço do fascismo no Brasil depois do golpe, e ataques como estes só tendem a aumentar cada vez mais se a população não se organizar.

Após o golpe dado no ano passado, a direita facista não gosta de negro, gay e mulher, esta tomando cada vez mais coragem e ganhando cada vez mais força e sendo fortemente financiado.

Acontecimentos como estes acontecem todos os dias, e o único jeito de a população se defender deste avanço fascista não é com a polícia que mais mata do que ajuda, e sim montando comitês de luta contra o golpe e a partir disto organizando milícias populares de bairros, para que a própria população que sofre com isso possa se defender.

 

artigo Anterior

Frase

Próximo artigo

Japão ataca Pearl Harbor e EUA entram na Segunda Guerra Mundial

Leia mais

Deixe uma resposta