Datafolha: rejeição a Lula cai

Compartilhar:

As últimas “pesquisas” do Datafolha sobre as eleições presidenciais de 2018 demonstraram que a rejeição ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva caiu. Isso é bastante significativo, pois serve para comprovar que, apesar da perseguição dos golpistas, que o querem preso e “fora da vida pública” (para citar o General golpista, Hamilton Mourão), a popularidade do metalúrgico só faz aumentar.

Campanha Financeira 3

Quanto mais batem nele, mais sobe sua popularidade. Isso, entre outras coisas, coloca em questão a intervenção militar, pois para estes, a prisão do ex-presidente é essencial para conter a crise política. O que eles querem, quando falam em resolver a “instabilidade”, é na verdade controlar o regime com punhos de ferro, e para isso, as lideranças operárias e populares precisam ser contidas.

A polarização política, estimulada pela luta de classes, coloca Lula como personalidade contra os golpistas, na medida em que é perseguido ostensivamente pela burguesia e sua imprensa, e se mobiliza em torno das caravanas, para fazer propaganda política e aumentar sua popularidade. Diante desta crise, é cada vez mais iminente um golpe militar, remédio amargo da burguesia para conter o regime.

artigo Anterior

Não há nenhum crescimento do PIB

Próximo artigo

Lido nas redes

Leia mais

Deixe uma resposta