Atalaia-AL: sem salários, aposentados e seus filhos passam fome

Compartilhar:
Sem salários aposentados e seus filhos passam fome 7

O aprofundamento do golpe de estado está lançando milhões de pessoas na miséria e cortando recursos básicos para a sobrevivência dos trabalhadores.

Rascunho automático 67

Este é o caso de mais de 500 servidores aposentados e pensionistas do município de Atalaia, Região Metropolitana de Maceió, estão sem receber os salários há dois meses.
Lá a agência da Previdência responsável pelo repasse do dinheiro enviou ofícios à Prefeitura cobrando explicações, mas nada foi feito até o momento.
Com o atraso dos repasses da aposentadoria, 13º salário, para Saúde e Educação em muitos Estados, muitos estão no sufoco, e aqui os idosos estão sem ter o que comer.
Revoltados com a situação, alguns aposentados decidiram protestar nas ruas, na porta da prefeitura e ocupar o Atalaia Previdência.
“Nós não aguentamos mais essa situação. É humilhante, é degradante. São pessoas que adoecem, são perdas incríveis que nós temos. É todo dia você repetindo para os seus filhos ‘não tenho, não tenho’. Nós estamos nos acabando, doentes e com fome”, desabafou a aposentada Maria Núbia de Souza que fez parte do grupo que realizou a manifestação.
Este Diário denuncia diariamente a falta de remédios em postos, fim de projetos assistencialistas, ataques na educação e saúde público, sucateamento em transportes públicas e privatizações, e esse aprofundamento do golpe, agora sobre os trabalhadores brasileiros leva a sociedade a miséria total. Situação similar ao governo Neoliberal de Fernando Henrique Cardoso antes da entrada de Lula e do PT em 2002. Valendo lembrar que à época, os neoliberais do PSDB eram responsáveis por manchetes dos grandes jornais sobre miséria e fome pelo Brasil, o que essa política privatista fez na época e faz agora entregando o patrimônio nacional. E fez ainda, por ser contra as organizações públicas e movimentos sociais, jogando milhões no desemprego e na miséria.
Agora o ataque aos diretos chega aos idosos que trabalharam toda a vida e contribuíram.
A destruição da Previdência, o assalto dela por sonegação de grandes empresas e bancos, demonstra o assalto da burguesia sobre o povo, pois não pagam há quatro meses para idosos que contribuíram para construir toda sociedade que a burguesia e os trabalhadores gozam hoje.

Os trabalhadores e aposentados não podem aceitar a destruição da Previdência, devem reagir nas ruas e se organizar contra os golpistas pois todo o ataque veio através do mesmo.

artigo Anterior

Japão ataca Pearl Harbor e EUA entram na Segunda Guerra Mundial

Próximo artigo

Prisão de ex-vereador do PT não trouxe ganho à população de Ribeirão Preto

Leia mais

Deixe uma resposta