Justiça de São Paulo mantêm preso irregularmente ex-vereador do PT há 19 dias

Compartilhar:
Justiça de São Paulo mantêm preso irregularmente ex-vereador do PT há 19 dias

No dia 14 de novembro de 2017, Ribeirão Preto-SP foi palco de um lamentável episódio de perseguição. José Alfredo de Carvalho, ex-vereador do Partido dos Trabalhadores (PT), foi preso sem seu julgamento ter sido concluído, ou seja, sem realmente estar comprovada sua culpa. Não bastando isso, o processo inteiro é uma farsa que só não se desmonta por si só, por causa da ampla rede de mentiras que a imprensa golpista consegue manter em pé devido ao seu monopólio.

Rascunho automático 67

José Alfredo e sua defesa pedem que seja feita perícia nos documentos que comprovam sua inocência, mas até agora o Tribunal de Justiça de São Paulo se abstêm de observar estes documentos, mostrando que para prender este importante membro local petista, passam por cima de qualquer direito.

Uma importante observação do caso é que José Alfredo já foi considerado inocente em processo anterior, que comprovou o erro cometido contra sua pessoa. Apesar disto, o atual prefeito tucano da cidade, com uma “auditoria”, reabriu o processo e, utilizando-se de seus aliados, como é o caso do promotor do Ministério Público Aroldo Costa Filho, conseguiu a prisão do petista.

A justiça ignora os documentos de José Alfredo de Carvalho por estes já terem comprovado sua inocência no passado, mostrando que o que ocorre em Ribeirão Preto é um claro processo de perseguição. Todos devem estar alertas ao grau de arbitrariedades ao qual o golpe alçou o país, a partir de agora ninguém está mais resguardado em seus direitos básicos.

artigo Anterior

Colunistas da COTV: “Rafael Braga x Polícia Militar: a defesa da repressão”

Próximo artigo

Depois da ração estragada, Doria inventa o remédio estragado

Leia mais

Deixe uma resposta