A falta de princípios do PSOL

Compartilhar:
A falta de princípios do PSOL 1

No dia 17 de novembro de 2017, o Partido do Socialismo e Liberdade (PSOL) expulsou o deputado estadual do Rio de Janeiro que votou contra a prisão de elementos da alta cúpula do PMDB daquele estado. Naquele dia, o legislativo do Rio de Janeiro havia se reunido em sessão para avaliar a ação do judiciário na condenação de Jorge Picciani, Melo e Albertassi. O deputado Paulo Ramos, considerando abusiva a atuação do judiciário, votou contra, o que levou-o a ser expulso do partido.

Rascunho automático 67

Em nota publicada pelo PSOL sobre o caso, o partido mostrou sua total falta de princípios ao ser favorável ao estado de exceção imposto para a suposta perseguição aos corruptos. Em um momento de golpe de Estado, onde todas as garantias democráticas são desrespeitadas, um partido operário deve lutar sempre para que o Estado não consolide os instrumentos de repressão, mesmo que, a princípio, isso seja utilizado em favor dos seus inimigos políticos.

Os erros desta política são gritantes se observarmos apenas isso, mas indo mais a fundo na campanha dos socialistas amarelos, é possível notar o grau de loucura ao qual esta política chega. No mesmo dia 17, o PSOL convocou um ato, que coincidentemente também foi convocado pelo MBL, para atacar as liberdades democráticas dos peemedebistas. No ato havia as figuras mais variadas, desde um coxinha fantasiado de Lula presidiário até uma integrante fascistas, Sarah Winter, que teve espaço garantido para falar no caminhão de som. A jornada de luta contra corrupção do PSOL a seu ato o MBL, uma apoiadora do Bolsonaro e diversos coxinhas contra a corrupção.

Entenda melhor tudo isso na Rádio Causa Operária TV (RCO) por meio do áudio a seguir:

Há um esforço do PCO em construir um canal de transmissão de conteúdo audiovisual que possa ter programação 24 horas ao dia. Mais programas estão sendo construídos e tudo pode ser feito com mais facilidade e rapidez se houver contribuições para tanto em nossa campanha financeira em: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/abaixo-a-rede-globo-contribua-com-a-causa-operaria-tv

artigo Anterior

Cubanos vão às urnas

Próximo artigo

FUVEST: a ausência da Revolução Russa e o aprofundamento do golpe

Leia mais

Deixe uma resposta