7 de setembro de 1961 – João Goulart toma posse como Presidente do Brasil

Compartilhar:
6 de dezembro 1976 - Morre no exílio o ex-presidente João Goulart

Em 25 de agosto de 1961, Jânio Quadros, então presidente eleito do Brasil, renunciou ao cargo, decorrência de uma crise política intensa pela qual o País passava.

João Goulart, seu vice, na ocasião da renúncia de Jânio, estava em viagem para a China. Assumiu a presidência, então, o presidente da Câmara dos Deputados, Ranieri Mazzili até a volta de Jango. Uma parte do Exército, a direita golpista, então formou uma junta militar para tentar impedir a posse de Jango, tentativa que não obteve sucesso.

No entanto, coagiram o Congresso a aprovar o parlamentarismo, retirando, assim, poderes do Presidente da República. João Goulart veio assumir o poder, como primeiro-ministro, apenas em 7 de setembro de 1961. O parlamentarismo foi substituído novamente pelo presidencialismo após um plebiscito realizado em janeiro de 63, aumentando o poder de Jango e tornando-0 Presidente da República.

O presidente, durante todo o seu mandato, foi ameaçado pela direita golpista, comandada pelo imperialismo. Jango era uma figura que tinha o apoio e ligações ao movimento sindical e popular brasileiro e, por isso, denunciado como “comunista” pelos vassalos do imperialismo.

Campanha Financeira 3

Foi derrubado em 1964 por um golpe militar, no dia 1º de abril. Sua derrubada precedeu toda uma época de repressão contra a classe operária, além de ataques à economia brasileiro.

artigo Anterior

Meme do dia

Próximo artigo

6 de setembro de 1930 – Presidente democraticamente eleito na Argentina é deposto por golpe militar

Leia mais

Deixe uma resposta