Vai e vem do PSDB acabou

Compartilhar:

O PSDB, o partido imperialista que lidera a movimentação golpista no Brasil, definiu de vez que está ao lado dos capitalistas estrangeiros para a completa destruição da economia brasileira. Com a votação na Câmara dos Deputados acontecida ontem, parece que os tucanos decidiram que sua política será pela anulação completa do governo Temer.

Campanha Financeira 3

Essa operação vem acontecendo aos poucos. Para qualquer observador da política nacional, que acompanhe minimamente os últimos fatos do período do governo golpista de Temer, percebe que não é de hoje que os tucanos esvaziam a gestão de Temer.

PSDB: nem vai, nem fica, muito pelo contrário

José Serra, ex-governador do estado de São Paulo, foi indicado por Temer para ser Ministro das Relações Exteriores, cargo esse que ocupou por apenas alguns meses. Saiu de fininho, alegando problemas de saúde, numa clara movimentação golpista para um direcionamento de um acirramento do regime em torno de suas siglas partidárias favoritas: o PSDB e o DEM.

Por esse indício, dentre tantos outros que podem ser citados, não se pode acreditar na cínica argumentação dos tucanos para não apoiarem Temer. Fundamentam-se num argumento moralista de falta de condições de caráter e ética do governo.

A piada é que essas palavras saem do partido mais corrupto do regime. Além das privatizações a preço de banana, destaca-se a venda da Vale do Rio Doce por R$ 3 bilhões sendo que havia um valor venal de R$ 100 bilhões, contabiliza-se o desmonte do funcionalismo público e o abandono de mais de 50 milhões de pessoas na mais absoluta miséria.

Para que essas barbaridades golpistas não continuem seu trilho de ascendência no País, é necessário que se lute contra o golpe. O reestabelecimento do PT e de Dilma Rousseff na presidência da República é parte decisiva para que os imperialistas se ajustem em torno de suas medidas de austeridade e fortaleçam cada vez mais sua legenda partidária de aluguel no Brasil: o PSDB.

Temer não caiu… ainda

artigo Anterior

Líderes golpistas do PMDB querem a expulsão de Requião e Kátia Abreu da legenda

Próximo artigo

Casal de trabalhadores rurais é assassinado pelo latifúndio no Pará

Leia mais

Deixe uma resposta