Golpistas da ECT a serviço das franquias e grandes empresas do mercado postal

Compartilhar:

Os golpistas Guilherme Campos e Gilberto Kassab, ambos do PSD (Partido Social Democrata) que assumiram o controle da ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) chegaram mostrando suas credenciais de golpistas e privatizadores.

Rascunho automático 67

Convocaram os sindicalistas dos Correios para propagar a mentira do momento, a de que a ECT é uma empresa deficitária, que está dando prejuízo e portanto terão que cortar benefícios e direitos dos trabalhadores, para que a empresa não seja privatizada.

Desconsiderando a mentira cabeluda de que os golpistas querem cortar gastos para evitar a privatização da ECT, uma vez que os cortes de gastos com os benefícios e salários dos trabalhadores são justamente para preparar a privatização, temos que aqui desmentir primeiro a ideia de que a ECT é deficitária.

Os golpistas privatizadores da ECT tomaram a decisão de fechar 250 agências dos Correios, com o argumento que essas agências seriam custos, no entanto, esquece-se de dizer que a ECT também funciona com mais de mil agências franquiadas, e que essas agências são lucrativas, com denúncias de que os donos dessas agências se transformaram em milionários, como o ex-senador Gim Argello, do Distrito Federal.

Os golpistas na verdade fecham as agências dos Correios para levar os usuários e grandes clientes dos Correios utilizem as agências franquiadas.

Por outro lado, enquanto os golpistas falam que a ECT, maior empresa de Correios da América Latina é deficitária, as grandes empresas de entrega de encomendas do Mundo, como a DHL, FEDEX, UPS já estão instaladas no país, a todo vapor.

Tanto a DHL alemã, como a FEDEX americana possuem espaços próprios nos maiores aeroportos do Brasil, e esperam ansiosamente que os golpistas destruam o sistema de entrega de encomendas dos Correios, para que eles tomem conta desse lucrativo mercado postal.

O golpe dado no governo do PT tem como objetivo a entrega do País, a entrega de suas empresas, riquezas, terras etc. A ECT é um patrimônio, com tradição que atua em um mercado muito lucrativo, e que já está montada para esse serviço.

Ao ouvirmos a campanha de que os Correios são deficitários, temos que lembrar que as agências franqueadas dos Correios e as grandes empresas de entregas de encomendas não reclamam, pelo contrário, lucram muito, utilizando inclusive os serviços prestados pela ECT. Diante disso, o povo brasileiro deve lutar contra a privatização da ECT e pela derrubada do governo golpista representante dos interesses dos grandes capitalistas que atuam no mercado postal.

artigo Anterior

República do Paraná espiona senadores

Próximo artigo

Vende pátrias: governo golpista está importando cédulas de real da Suécia

Leia mais

Deixe uma resposta