8 de Março de grandes mobilizações contra a direita e os golpistas

Compartilhar:

O avanço da direita representa um problema de extrema gravidade para as mulheres. As trabalhadoras, que são maioria da população, são mais dependentes dos serviços públicos (educação, creches, saúde) e garantias trabalhistas, como licença maternidade e outros benefícios.

Pois são justamente esses direitos os mais ameaçados pela política da direita golpista, de liquidação das condições de vida da população pobre e trabalhadora.

O Dia Internacional da Mulher deve ser um dia de luta também contra a direita e o golpe de estado. Derrotar esse setor reacionário que impede avanços sociais e conquistas de direitos, como o direito ao aborto, é parte fundamental da luta das mulheres.

Campanha Financeira 3

Nesse sentido, a tarefa não é apenas das mulheres, mas de todas as organizações democráticas que devem se unir para transformar o 8 de março em um dia de grandes manifestações contra a direita golpista.

artigo Anterior

Ninguém está acima da lei, exceto os poderosos de sempre

Próximo artigo

Juristas brasileiros criticam 24ª fase da Operação Lava Jato

Leia mais

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: