Chefs mostram a Doria que é possível fazer merenda de qualidade

Compartilhar:

Um “banquetaço” foi organizado no centro da capital paulista, no Teatro Municipal de São Paulo, na última quinta-feira (16), para mostrar para João Doria que é possível fazer merenda barata e de qualidade com alimentação balanceada.

A alimentação servida nesse ato foi de bolinho de batata, charuto, cuscuz, feijão e massa de molho pesto. Na sobremesa, foi disponibilizado doce de banana e sorvetes de fruta. Esse cardápio foi realizado por agricultores e ativistas que trabalham com alimentação.

Essa ação foi pensada e articulada para contrapor ao projeto de Doria de servir ração para as criancinhas como merenda escolar. O prefeito almofadinha de São Paulo, em um exercício de retórica, chama essa verdadeira ração digna para gado e porco de farinata.

Esse ato também exigiu a retomada do Programa Operação Trabalho (POT), que beneficiava Hortas e Viveiros nas Comunidades, em que a atuação destruidora de Doria cortou 94% das verbas para a construção e manutenção de hortaliças.

É importante destacar que Doria e a quadrilha tucana não cometem esses ataques contra a população como um fruto de ignorância sobre a função nutritiva dos alimentos. Se trata de uma ação organizada e meticulosa da burguesia, classe social representada pelo PSDB, para um assaltodevastador dos bens públicos e o repasse deles para o capital financeiro e dos empresários.

Diante dessa situação política, a única política que de fato é popular e interessa a população paulistana, se mostra no “Fora Doria!”. Esse prefeito representa o que há de mais conservador e antipopular de uma completa ofensiva contra os trabalhadores da capital paulista, e por isso, deve ser imediatamente escorraçado do Palácio das Indústrias.

artigo Anterior

As crianças venceram: Doria desiste da ração

Próximo artigo

ECT quer controlar trabalhadores através do smartphone

Leia mais

Deixe uma resposta