Motoristas de ônibus paralisam terminais e corredores em São Paulo

Compartilhar:

Na manhã desta quarta, 18, os motoristas de ônibus da cidade de São Paulo fizeram uma paralisação em defesa do reajuste salarial da categoria.

Os motoristas pararam terminais de ônibus e corredores exclusivos de várias regiões da cidade.

Ao todo foram 29 terminais parados de acordo com o sindicato (Sindimotoristas).

A paralisação se deu após a categoria rejeitar em assembleia a propostas das empresas de ônibus de 2,31% de aumento, no qual não cobre nem a inflação.

Os motoristas reivindicam aumento de 5% e mais 10% de inflação corrigida, além de participação nos lucros de R$ 2 mil e vale-refeição diário de R$ 25.

Os patrões dessas empresas, assim como todos os patrões só se importam com seus lucros.

O transporte não pode ser um serviço prestado por empresas privadas. Deve estar no controle e ser regulamentado pelo Estado. A privatização desse serviço não serve de nada senão dar lucro às empresas de transporte.

Nesse sentido, é necessária a estatização dos serviços públicos de transporte como meio de melhorar o serviço, oferecer transporte gratuito e melhores condições aos trabalhadores desse serviço.

artigo Anterior

Contra o golpe, elenco do filme Aquarius protesta no Festival de Cannes

Próximo artigo

Itaú ganha controle do Banco Central

Leia mais

Deixe uma resposta